ProcessoS de mudançaS

Se você está totalmente perdida sobre o processo de emagrecimento. Se você quer muito perder peso, seja pelo motivo que for, mas não sabe por onde começar, talvez esse post possa lhe ajudar.

A ansiedade no processo de emagrecimento é um sentimento absolutamente normal, afinal a ansiedade é um sentimento. Mas ela não pode dominar nossas emoções. Eu sei que é difícil se desvincular dela, mas acredite: quanto mais você estiver ansiosa (o), mais difícil será o seu processo. Agora, se você não consegue parar de pensar que você precisa emagrecer, que você tem que emagrecer, que você quer emagrecer, eu sugiro que USE a sua ansiedade a seu favor. Como? Fazendo com que ela lhe dê FOCO. Essa é uma maneira, sutil, de controlar a ansiedade, de transformá-la em algo “benéfico” para você.

Vamos lá……

……..Se preparar para a mudança de hábitos é muito importante no processo de emagrecimento. Vou repetir: se preparar para o seu emagrecimento é fundamental para os seus resultados. E como isso acontece? O primeiro passo, sem dúvida, é se conscientizar de que algo precisa mudar e que esse algo vale realmente a sua disposição. Você já pesquisou sobre diversas modalidades de atividade física, custo benefício de academia, de alimentos, já consultou nutricionista, enfim, está minimamente munida (o) de informações relevantes sobre essa “nova fase”? É fundamental pensar nas atividades que você fará, nos dias que você se dedicará a elas e no investimento. Antes de fazer é preciso se preparar para fazer.

Essa fase do estudo é essencial, ou você já comprou algum imóvel sem antes pesquisar? Com o emagrecimento é a mesma coisa; é preciso estudo, porque se você colocar mil atividades em um só dia, você ficará estressado e vai jogar a “culpa” na academia ou na comida que não conseguiu preparar. Daí não é difícil prever que você vai desistir. Eu já escrevi aqui sobre a importância de fazer uma atividade física por prazer importância de fazer uma atividade física por prazer, porque é o tesão que transformará a obrigação inicial em deleite.

Mudar de atitude, de atividades diárias, não quer dizer que você mudou os hábitos. Para mudar os hábitos é preciso PACIÊNCIA. Lembram do foco? Então, ele é a grande ferramenta para adquirir paciência. Parece um contrassenso, ansiedade x paciência, mas não é, não, se você souber usar a sua ansiedade em perder peso para te colocar numa trilha, para te impulsionar. Na verdade, não é a ansiedade que te impulsiona, mas o seu desejo.

Não pense que você amará ir para a academia do dia para a noite, ou que você se acostumará facilmente com o novo cardápio. É só pensar em quando viajamos: o processo de adaptação não é simples e é muito individual; só que ele vem, se a gente tiver paciência e foco.

Eu estou na fase do quase término do meu processo de emagrecimento. Meu último peso foi 64 quilos. Quero alcançar os 60. Bem, isso quer dizer que muita coisa que eu fazia antes por obrigação, ou porque eu tinha que fazer para alcançar minhas metas, hoje eu faço porque eu GOSTO. Mas esse GOSTAR não é espontâneo e nem natural. Trata-se de uma CONSTRUÇÃO sobre o gosto.  Preciso compartilhar com vocês que essa fase está sendo EXCELENTE para mim, porque tudo, acreditem (!), tudo fica MUITO MAIS LEVE.

unnamed-1
Foto tirada no dia 02/03/17- O Muay Thai tem me ajudado muito. Depois farei um post sobre.

O gosto pelas atividades físicas foi absorvido, já não é mais forçado. Como eu escovo os dentes, eu vou a academia. Entende? Eu nem penso mais “Ai, hoje eu TENHO QUE malhar”. Não. Eu simplesmente malho. Mas essa mudança (agora sim, mudança) de perspectiva veio com o tempo, veio após todas essas etapas que eu mencionei no início do texto.

PORÉM….hehehhe sempre tem os “poréns”. Em relação a minha ALIMENTAÇÃO, eu ainda não alcancei a mudança que eu alcancei com a atividade física. Eu ainda PENSO sobre as coisas que eu preciso comer, ainda rola uma culpa quando eu exagero e eu ainda preciso ficar (muito) atenta para não desesperar e enfiar o pé na jaca.

Costumo (me) comparar com a dependência de algum vício. Eu NÃO POSSO dar o primeiro gole ou o primeiro pedaço, porque, acreditem, dependendo da situação, eu como compulsivamente, e aí já era. Um exemplo concreto é amendoim e bolo de cenoura. Eu amo amendoim. Se eu tiver com fome, não posso comer esse alimento, porque senão eu vou comer o pacote todo. Eu já sei que amendoim é um alimento ok, desde que sem casca e sem sal, mas eu exagero (mesmo!).

Esse post é para dizer que a mudança não é pragmática, linear e quadradas. NÃO! É possível que tenhamos recaída, que habitemos várias etapas ao mesmo tempo, que oscilemos…que um dia seja mais fácil do que outro…. Enfim…cada fase tem uma característica e precisamos respeitá-las.  O respeito é fundamental, porque você vai ler blog´s, Instagram de blogueiras fitness (ah vc vai hahaha) que vão dizer para você coisas que elas SÓ ESTÃO DIZENDO PORQUE ELAS ALCANÇARAM A MUDANÇA DE HÁBITOS de verdade. Então, é quase uma amnésia: elas esqueceram ou não querem lembrar de que para elas chegarem no discurso que elas têm agora, teve um trabalho árduo. Por isso, vai na sua onda, no seu ritmo. Evite acompanhar essas blogueiras fitnees! Sério. Isso só vai te fazer mal.

Espero que tenha gostado. Comente, compartilhe. Deixe sua impressão.

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “ProcessoS de mudançaS

  1. Lilian disse:

    Esse post è o meu preferido Amanda! È aquele que me trouxe mais reflexões, pois você trouxe medos reais que com certeza quem está buscando uma mudança de hábitos tem! Obrigada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s